22 de jun de 2011

"Arraiá da Educação" de Macarani movimentou toda a rede

A Secretaria Municipal de Educação encerrou o primeiro semestre do ano letivo com uma grande programação festiva de São João, reunindo na quadra de esportes do CNSP, várias escolas da rede que apresentaram lindas performances juninas como dança da fita, quadrilhas, amostra de comidas típicas, reis e rainhas mirins e casamento matuto.
As arquibancadas ficaram lotadas de pais e mães de alunos que se somaram a tantos outros que compareceram para prestigiar o evento, que contou também com a presença da Secretária Elza Soares. O coordenador pedagógico, Davilson Santana Ribas, do palanque, comandou a festança e manteve a população informada sobre o conteúdo de cada apresentação. Os pequeninos das creches Jonas de Souza Lima e Arlete Marlon Magalhães abriram os desfiles, caracterizados de reis e rainhas do milho, pipoca e amendoim e proporcionaram magia e encantamento. Uma amostra das variadas comidas típicas foram apresentadas e distribuídas para populares por alunos da Escola Nossa Senhora Aparecida. Muita gente teve a oportunidade de degustar o tradicional “chimango”, cocada de coco e leite, bolo de milho e mingau de milho verde. De forma disciplinada, esbanjando charme e beleza, meninos e meninas desfilaram pela quadra sob olhares atentos da platéia. A quadrilha de “sexo trocado” foi uma atração à parte, que contou, inclusive, com a participação da Secretária Elza Soares. Homens vestidos de mulher e vice-versa, fizeram evolução precisas, recheadas com muita descontração e sátiras bem humoradas de situações enfrentadas por muita gente nesta época do ano. Lindas garotas da Escola Dom Bosco esbanjaram chame e simpatia na apresentação da dança da peneira. Com molejo e sincronismo, se embalaram ao ritmo de cantigas de roda sem perder o tom, representando bem a escola, o que mereceu os aplausos da platéia. Seguindo a tendência de comando feminino, alunas do Centro Educacional Elza Porto também ditaram a regra no “arraiá da educação”, com a dança do cangaço. Vestidas a rigor, demonstraram que também neste universo, a mulher pode sim ser comandar, dispensando a figura masculina. Elas sabem com endurecer sem, jamais, perder a ternura. A festa também teve casamento caipira e para sua realização foi montado um verdadeiro cenário, que contou com padre, delegado, noivo fujão, pai ameaçador e uma noiva ávida pela oficialização do relacionamento que já lhe rendera um filho. Entre negativas, troca de ofensas e embriaguez explicita, enfim, a celebração foi efetivada e os recém casados partiram para a lua de mel. O Educandário Fernando Sá Miranda brindou a população com uma belíssima e genuína quadrilha de São João, onde não faltou graça, entretenimento e empenho dos integrantes no sentido de manter os acertos preparados nos ensaios. E tamanha dedicação valeu à pena. Damas e cavaleiros foram impecáveis em todas as evoluções recebendo nota máxima de professores e populares. Os forrozeiros Edgar Mão de Prata, Forrozão D’Lyra e Forró Acesso deram sequência a festa e fizeram um preview do que 3º Forró Pé de Serra, que começa dia 28. De parabéns a equipe da Secretaria de Educação organização do evento e aos alunos envolvidos pelo brilhantismo na apresentação.











0 Comente esta matéria: